Quinta-feira, 28 de Outubro de 2010

Batman 3: "The Dark Knight Rises"!

 

Christopher Nolan divulgou o título do terceiro capítulo da sua trilogia Batman, vai chamar-se (como já devem ter percebido), "The Dark Knight Rises".

 

Quanto ao vilão, que é também das informações mais aguardadas, é bastante provável que o actor seja Tom Hardy, o Eames do "Inception". A escolha ainda não foi oficializada, mas existe um forte rumor que dá como garantida a presença do actor no filme. Quanto a qual personagem será o vilão, ainda não se sabe, mas Nolan contrariou a grande aposta dos fãs, e disse ém entrevista que não será o The Riddler.

O Mr. Freeze já foi posto de parte há bastante tempo (o que não surpreendeu ninguém, acho eu), e o último rumor aponta para o Killer Croc. Também é no entanto possível que apareça mais do que um vilão novo, caindo um dos vilões para um plano secundário, (um pouco como aconteceu com o Scarecrow).

 

Aproveito também para enviar por aqui um grande abraço ao Sr. Nolan (esperemos que algum dia lhe chegue), por dizer que o filme não será em 3D. Combater a febre do 3D é mais uma das características que torna Christopher Nolan um dos nomes que mais admiro do Cinema actual.

O realizador argumenta, e bem, que fazer o filme em 3D iria criar algo demasiado diferente visualmente dos dois filmes anteriores, e o objectivo é que a trilogia seja um todo, tanto em termos de história como em termos visuais. Ficou também a indicação de que este será o seu último Batman, encerrando o ciclo da história.

 

Como fã de Christopher Nolan, dificilmente poderia estar mais entusiasmado para este "The Dark Knight Rises", mesmo que a espera ainda seja longa, (o filme estreia em Julho de 2012).

Não deixa de ser curioso que Nolan não utilize o Riddler. A personagem parecia adequada à Gotham que ele criou, e ao seu gosto por histórias desafiadoras do intelecto, mas não pude deixar de pensar que, o Riddler que eu imagino a viver no universo do Batman de Christopher Nolan, assemelha-se um pouco ao Joker. Talvez a razão da rejeição desta personagem tenha vindo daqui, afinal depois do filme colossal que foi o "The Dark Knight", é preciso pura originalidade, como aquela que só Nolan consegue idealizar, para fazer algo igualmente bom ou melhor ainda.

 

Podem ler mais aqui!

 

 

 

publicado por RJ às 18:58
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Terça-feira, 26 de Outubro de 2010

Quarto ano

 

Ontem, o KritiCinema comemorou quatro anos de existência. Por isso, antes de mais, parabéns!

 

Os últimos tempos não foram fáceis para mim em termos pessoais, o que dificultou a disponibilidade mental para o blog, mas estou longe de considerar encerrá-lo. Este espaço nasceu de uma paixão, mais concretamente da vontade de fortalecer tal paixão conhecendo mais. Integrar a blogosfera revelou-se uma aprendizagem fantástica, e gosto sinceramente de partilhar esta paixão com quem quiser ler o que mais um anónimo da Internet como eu tem para dizer.

A todos os que acompanharam este espaço e aos que ainda não desistiram dele, um grande e sentido obrigado.

 

Já comecei a fazer algumas mudanças, nomeadamente no estilo das críticas, e mais algumas coisas mudarão em termos do estilo do blog. Não é uma mudança radical, pretendo apenas que este espaço seja cada vez mais pessoal, e que cada post seja fruto de ideias espontâneas e estados de espírito provocados pelo Cinema, afastando-me mais da simples entrega de notícias, deixando novidades apenas quando estas me suscitam alguma apreciação crítica em especial.

 

Por agora, muito sinceramente, a minha vontade é de continuar a escrever por aqui durante muito mais tempo. Portanto, deixo aqui um brinde virtual a este projecto, e a um caminho fresco que começa agora. E mais uma vez, a ti que estás a ler, um profundo obrigado!

 

 

 

publicado por RJ às 22:24
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito
|
Sábado, 23 de Outubro de 2010

O Regresso do Hobbit! (parece que é mesmo desta)

 

Como temos visto, o "The Hobbit" dificilmente poderia ter atravessado mais problemas.

Para ajudar à festa, o sindicato dos actores da Nova Zelândia resolveu há uns tempos iniciar um boicote ao filme, e apesar de esse boicote ter entretanto cessado, Peter Jackson não achou graça à brincadeira. Parece por isso que o projecto vai abandonar a Nova Zelândia e partir para a Europa, sendo os dois filmes filmados nomeadamente no Reino Unido.

É uma notícia triste, porque as paisagens da Nova Zelândia eram praticamente a Terra-Média tornada realidade, mas pronto, o que interessa é que temos filme!

Peter Jackson vai realizar. Após tantas voltas, o cargo acaba por voltar às mãos dele, o que sempre me pareceu o melhor, visto que foi ele quem tornou o "The Lord of the Rings" realidade.

 

As filmagens devem começar em Fevereiro, com estreias previstas para Dezembro de 2012 e 2013, e já foi anunciado o actor que interpretará Bilbo Baggins, assim como os actores para o grupo de anões!

 

Drumroll, please...

 

...

 

...

 

Martin Freeman é Bilbo Baggins!

 

 

Sim, o actor do "The Office" britânico, assim como protagonista do "The Hitchhikers Guide to the Galaxy" e o Dr. Watson da nova série "Sherlock" da BBC, é mesmo, mesmo quem dará vida a Bilbo.

Parece uma boa escolha, e a oficialização do resto dos actores e personagens deve estar para breve. Saibam quem constituirá o grupo de anões, aqui!

 

Agora com licença, que vou ali abrir a garrafa de champanhe que tinha guardada para este dia. 

 

 

 

publicado por RJ às 19:33
link do post | comentar | favorito
|

O futuro do Star Wars

 

É do conhecimento de todo o mundo que desde o fenómeno "Star Wars" que George Lucas não conseguiu oferecer mais nada ao mundo. E a limitação de Lucas a este universo, que lhe vai aumentando todos os dias o volume do cofre, está a tornar-se preocupante.

 

Está a ser desenvolvida uma série live-action de Star Wars, cuja história se desconhece, e a saga vai ser convertida a 3D para um novo lançamento nos cinemas. Até 2017, toda a saga em 3D terá estreado nos cinemas, começando com o lançamento do "The Phantom Menace" em 2012. Porém, como se não bastasse fazer o Star Wars aderir à febre do 3D, Lucas quer começar a trabalhar numa nova trilogia, cujo primeiro filme chegará aos cinemas por volta de 2019, (mais aqui!).

 

Mesmo com todos os defeitos de são apontados à "trilogia das prequelas", para mim, o Lucas ainda se conseguiu safar com isso. A história faz sentido enquanto a saga de seis filmes que é, mas mais filmes? Talvez daqui a 10 anos mude de ideias quando eles chegarem aos cinemas, mas não consigo achar isto uma boa ideia. A história de Anakin Skywalker já foi contada na sua totalidade, e criar mais histórias de Star Wars no cinema não faz sentido para mim. Já bastou aquele filme animado terrivelmente infantil...

 

Gostava de ver esta gloriosa saga perdurar tal e qual como está para sempre. Para sequelas, prequelas e spin-offs basta o que é largamente explorado naquilo a que se refere geralmente como o "universo expandido", com livros, comics e jogos. No Cinema, a viagem terminou em glória com "Revenge of the Sith" a deixar tudo em full circle. Agora era só fazer este tesouro chegar às gerações futuras.

 

O dinheiro fala mais alto, dizem vocês? Pois, lá está...

 

 

 

publicado por RJ às 18:54
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 20 de Outubro de 2010

A nova Marvel?

 

Vi ontem que Darren Aronofsky vai ser o realizador da sequela do "X-Men Origins: Wolverine", o que me deixou surpreendido. Quer dizer, estamos a falar do realizador de "Requiem for a Dream", "The Fountain", "The Wrestler" e de "Black Swan" que chegará em breve aos cinemas. É tudo menos uma escolha óbvia, tanto para o estúdio como para o realizador.

Quanto ao realizador, talvez seja uma tentativa de deixar a sua marca noutro tipo de projectos e de encontrar novos desafios, ou simplesmente uma forma de meter uns dólares no bolso, porque um blockbuster da Marvel é trabalho bem pago. Da parte do estúdio, a pergunta que se coloca é esta: estará a Marvel, que foi recentemente comprada pela Disney, à procura de seriedade para os seus filmes-pipoca?

Sam Raimi deu bastante seriedade ao Homem-Aranha, mas a coisa acabou por descambar no terceiro filme, o que originou um reboot da saga do realizado por Marc Webb previsto para estrear em 2012. Parece que está mesmo em curso uma pequena-revolução, e isto já para não falar no Hulk, que muda de actor a cada ano que passa, e que começou precisamente com uma abordagem séria realizada por Ang Lee, para ter sofrido um reboot que destacou mais a pirotécnia.

 

Continuando a galeria de escolhas nada óbvias, é exemplo disto um dos novos heróis que irá chegar ao ecrã no próximo ano: "Thor", realizado por Kenneth Branagh, um bom realizador e actor, com um registo dramático muitas vezes focado em adaptações de Shakespeare, (realizou "Henry V" e "Hamlet").

Na última edição da revista Empire, Branagh diz que a história de Thor (um deus nórdico que é expulso da terra dos deuses para o nosso mundo pelo seu pai, e que se apaixona), tem elementos puramente shakespearianos, o que nos faz mesmo pensar que a Marvel está a querer dar um outro tipo de toque à mitologia do filme-pipoca.

As imagens que vi de Thor até agora não me entusiasmaram (serei só eu a achar que os fatos supostamente imponentes parecem feitos de plástico e lembram o "Batman & Robin"?), mas confesso que estou curioso para ver o que Branagh faz com o mundo dos super-heróis, mesmo que seja discutível até que ponto as decisões verdadeiramente importantes são tomadas por ele e não pelo estúdio ganancioso.

 

Ainda assim, qual será a verdadeira razão destas novas abordagens? Estará a Marvel a preocupar-se mais com a verdadeira qualidade dos filmes e não com os dólares do merchandising? Afinal, o "X-Men Origins: Wolverine" tinha grande potencial e acabou por ser um blockbuster que piorava constantemente à medida que se aproximava da recta final.A sequela tem novamente muito potencial, com Wolverine a viajar até ao Japão e a viver um amor com um final trágico, e é realmente uma pena caso seja desperdiçada mais uma oportunidade.

Outra razão bastante credível é o combate às adaptações da rival DC. Christopher Nolan fez os filmes da Marvel parecerem desenhos-animados de Sábado à tarde, e eu apostava que estas escolhas de realizadores com um registo diferente são a forma de tentar ganhar terreno ao homem-morcego, que já leva uns bons quilómetros de avanço.

 

Porém, acho que dificilmente a Marvel conseguirá fazer algo que chegue aos calcanhares dos Batman de Nolan. Mas não era nada mau ver uma (ligeira) mudança de direcção dos blockbusters com homens de collants.

 

 

 

publicado por RJ às 21:10
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

.Agosto 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Os X-Men regressam ao fut...

. O "nada fantástico" Homem...

. I'll be back

. It's that time of the yea...

. Afinal o "Hugo" não é um ...

. E se não há palavras, há ...

. Não há palavras que o des...

. Drivers

. O Natal chegou mais cedo

. Neon-Noir

.Filme da Semana

Uploaded with ImageShack.us

.arquivos

. Agosto 2012

. Junho 2012

. Fevereiro 2012

. Dezembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds