Quinta-feira, 28 de Agosto de 2008

"Hellboy II: The Golden Army"

 

Do Inferno Para Nos Surpreender

 

Premissa: Hellboy é o filho de Satanás, trazido até ao nosso mundo por um portal aberto há muitos anos pelo maléfico Rasputin. Mas criado por um sábio professor, tornou-se num defensor do Bem, e é agente de um departamento especial do governo americano, que luta contra o paranormal.

Nesta segunda aventura, o herói tem de enfrentar o Príncipe Nuada, que depois de quebrar as antigas tréguas com o universo mágico, planeia acordar o Exército Dourado para restituir o mundo ao domínio do seu povo, e à beleza que outrora possuíu.

 

Veredicto: Guillermo Del Toro tem-se revelado como um dos melhores realizadores do fantasia da 7ªarte. "El Laberinto Del Fauno" é das melhores peças, senão mesmo a melhor peça do género de fantasia desde a trilogia de "The Lord of the Rings". Nesse conto de uma rapariga que descobre a passagem para um reino mágico, somos presenteados com um exemplo magnífico de como transformar um conto de fadas, numa fantasia adulta, negra, em alguns momentos assustadora, mas no fim, possuidora de enorme beleza.

O primeiro filme do herói de Mike Mignola, Hellboy, anterior à incursão no labirinto do Fauno, deixava já antever o potencial do realizador em orquestrar contos repletos de criaturas fascinantes e na maioria das vezes, vindas das trevas. No entanto, esta primeira aventura apenas conseguia ser um filme mediano, que não me arrebatou. Não era detentora da interessante história e visual magnífico de "Hellboy II: The Golden Army".

 

Visualmente, o filme é arrebatador, começando nas sequências de luta, mas especialmente por todo o desenhar do mundo fantástico, povoado por elfos, trolls e muitos outros

Oscilando entre os maravilhos tons dourados e luminosos do mundo do Príncipe Nuada, obrigado a permanecer nas sombras, e os tons cinzentos e sujos do nosso mundo, caminhamos ao encontro de lugares de sonho e criaturas capazes de povoar pesadelos.

Del Toro volta a confirmar o quão extraordinário é a nível visual, conseguindo arrebatar por completo o espectador e imergi-lo num mundo fantástico, sobre o qual, assim que os créditos começam a rolar, desejamos saber mais.

 

Ainda assim, não é apenas pelo esplendor visual que "Hellboy II: The Golden Army" se afirma como um dos melhores filmes em cartaz. Tem uma história inesperadamente profunda e interessante, que, apesar de deixar a sensação de que poderia ter sido melhor explorada, nos faz olhar os males do nosso mundo cinzento, conflituoso e gerido pelo desrespeito, acabando por nos fazer cultivar alguma simpatia para com um vilão, que tudo o que quer, é restituir a esse mundo, a beleza que em tempos teve, e que perdeu.

 

Entre o arrebatamento que inunda a sala, tais são as cores deste contraste entre um mundo mágico que deveria ser o nosso, e o nosso que continua desprovido de emoção, harmonia, paz e beleza, e uma história com aspectos capazes de nos colocar em silêncio alguns minutos, esta é uma aventura que não deveria passar despercebida aos amantes de Cinema espectáculo de qualidade.

 

Por tudo isto, tendo visitado o fantástico imaginário de Guillermo Del Toro, e não podendo evitar ver em tão esplendoroso mundo, reminescências do imaginário de J.R.R. Tolkien, este blockbuster só faz aumentar a expectativa para "The Hobbit" e respectivo "segundo filme", que se prevêem vir a ser obras-primas.

 

9/10

 

Memorable Quotes

 

[after smashing up a dozen of the Golden Army's soldiers]
Hellboy: Industrable, my ass.

 

Prince Nuada: We die and the world will be poorer for it.
 

[Hellboy and Abe look at Liz, sleeping]
Hellboy: [drunk] Look at her, Abe. She's my... she's my whole, wide w... I would... I would give my life for her. But she also expects me to do the dishes!
Abe Sapien: [also drunk] I would die *and* do the dishes!

 

Prince Nuada: [releasing the tooth fairies] Let this remind you why you once feared the dark...
 

 

 

publicado por RJ às 23:16
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Loot a 2 de Setembro de 2008 às 02:15
Adorei ver a mistura Del Toro e Mignola.
Fantástico.

Abraço

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

.Agosto 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Os X-Men regressam ao fut...

. O "nada fantástico" Homem...

. I'll be back

. It's that time of the yea...

. Afinal o "Hugo" não é um ...

. E se não há palavras, há ...

. Não há palavras que o des...

. Drivers

. O Natal chegou mais cedo

. Neon-Noir

.Filme da Semana

Uploaded with ImageShack.us

.arquivos

. Agosto 2012

. Junho 2012

. Fevereiro 2012

. Dezembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds